Selo Eduff 35 anos

1985

Em 29 de agosto, é criada oficialmente a Eduff, como núcleo ligado diretamente ao Gabinete do Reitor.

1985

Criação da primeira logomarca da Eduff.

Logomarca Eduff 1985

1989

Eduff conquista seu primeiro Prêmio Jabuti, na categoria Ciência, com o livro "Transitórios elétricos e coordenação de isolamento", de Ary D'Azul. A obra era uma parceria da editora com Fundação Getúlio Vargas, Eletrobrás e Furnas.

Anos 1990

--> Publicação de obras literárias de servidores técnicos-administrativos da UFF.

--> A loja da editora ganha um novo espaço, se consolida como uma livraria universitária e passa a promover lançamentos de livros, encontros e oficinas, o que proporcionou a expansão das atividades de divulgação e distribuição dos lançamentos da Eduff.

--> Criação do site da Eduff. A entrada da editora no espaço virtual estreitou o contato dos leitores com o catálogo da Eduff e permitiu a venda de livros por meio da geração de boleto bancário.

--> Criação da livraria volante. Como forma de incrementar a comercialização, uma kombi percorria os campi da UFF vendendo livros da editora, como um verdadeiro ponto de venda itinerante.

--> A década de 1990 trouxe a informatização para a editora, o que mudou de forma substancial os processos de produção dos livros, com as máquinas de datilografia cedendo espaço para os computadores.

--> Informatização do setor de distribuição.

1990

Criação do Conselho Comunitário. Criado com o objetivo de atender a demandas da sociedade, o conselho analisava originais oriundos da comunidade externa à UFF, dando um parecer prévio para a Comissão Editorial.

1995

A Eduff inicia a produção de séries e coletâneas temáticas, com texto de professores para serem usados em sala de aula. Exemplo disso foi a série Estudos e Pesquisas.

1999

Eduff passa a ser subordinada à Pró-Reitoria de Assuntos Acadêmicos (Proac), hoje Pró-Reitoria de Graduação (Prograd).

Anos 2000

--> Abertura de editais para seleção de obras para publicação.

--> Criação do Projeto Encontros com a Comunidade, que recebia autores para uma conversa informal com o público.

--> Criação do selo Parcerias Internacionais.

--> Eduff participa, pela primeira vez, da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip).

--> Incrementação das vendas online por meio da parceria com o Shopping Correios, o que possibilitou a comercialização de livros com cartão de débito e crédito.

--> Abertura da Livraria do Campus do Valonguinho.

Abertura da Livraria do Campus do Valonguinho

2000

Nova logomarca da Eduff.


Logomarca da Eduff 2000

2000

Criação da Revista Editorial, voltada para divulgação das edições da Eduff.

2002

A Eduff passa ser vinculada à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propp), hoje Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (Proppi).

2006

Abertura da Livraria do Campus do Gragoatá.

2007

Criação do Prêmio UFF de Literatura.

Prêmio UFF de Literatura 2007

2007

Inauguração da Biblioteca Livre, com ebooks para download gratuito.

2007

Nova versão da logomarca da Eduff.



2009

Eduff recebe XXII Reunião Anual da Abeu, em Niterói.

2009

Eduff participa do Off Flip, um movimento paralelo à Flip. O estande da editora fez parte do Espaço Sebo Cultural, que recebeu exposições de fotos, livros, pinturas e lançamentos de obras da Eduff, no centro histórico de Paraty.

Anos 2010

Inserção da Eduff nas redes sociais, ampliando os canais de comunicação com o público.

2010

Nova logomarca da Eduff.


Logomarca Eduff 2010

2011

Reabertura da Livraria Icaraí, após mais de um ano fechada para obras, e reforma completa do prédio da Eduff, com modernização das dependências.

Livraria Icaraí reformada

Livraria Icaraí reformada

Livraria Icaraí reformada

Livraria Icaraí reformada

Livraria Icaraí reformada

2014

A Eduff lança seu primeiro audiolivro: "Contando a história dos piolhos", de Neuza Rejane Wille Lima, Suzete Araújo Oliveira Gomes e Phillipe Marinho Ferreira.

Audiolivro "Contando a história dos piolhos"

2015

Nova logomarca da Eduff.

Logomarca Eduff 2015

2015

Eduff vence o prêmio Jabuti, na categoria "Economia, Administração, Negócios, Turismo, Hotelaria e Lazer", com o livro "Estranhas catedrais: as empreiteiras brasileiras e a ditadura civil-militar, 1964-1988", de Pedro Henrique Campos.

"Estranhas catedrais: as empreiteiras brasileiras e a ditadura civil-militar, 1964-1988"

2018

Criação do Edital Parceiros de Conteúdo, voltado para produtores de conteúdo literário nas redes sociais.

2018

O livro "O arquivo e o lugar", de Margareth da Silva ganhou o primeiro lugar do Prêmio Abeu, na categoria Ciências Sociais Aplicadas.

O arquivo e o lugar

2019

Realização da I Festa do Livro na UFF, em parceria com a Consequência Editora.

1ª Festa do Livro

1ª Festa do Livro

1ª Festa do Livro

1ª Festa do Livro

1ª Festa do Livro

2020

Reformulação e ampliação da Biblioteca Livre no site da Eduff, com livros para download gratuito de diversas áreas do conhecimento.

2020

Lançamento do Edital Coleção Biblioteca UFF, voltado para obras que serão  publicadas em formato digital e destinadas à formação de estudantes de graduação.