Eduff participa do "Brasil: a margem"

 

De 24 a 30 de abril, a Editora da Universidade Federal Fluminense (Eduff) participa da segunda edição do projeto “Brasil: a margem”, promovido pelo Centro de Artes da UFF, que neste ano traz a temática “Teko Porã - Cosmovisão e Expressividades Indígenas”, que em guarani traduz a ideia de bem-viver. A participação da Eduff inclui um estande de vendas de livros e a realização de sessões de autógrafos com os conferencistas convidados para o evento, como os autores indígenas Daniel Munduruku e Eliane Potiguara.

O estande Eduff levará para o público mais de 40 títulos de editoras brasileiras, incluindo os clássicos Eduff, como “Damiana da Cunha” (Eduff, 2017), “Minha luta pelo meu povo” (Eduff, 2014), e “Entre a escola e a casa de reza”(Eduff, 2016), que também serão sorteados para os participantes das conferências e oficinas.

Um dos mais conhecidos autores de livros de literatura infantil e adulta, Daniel Munduruku estará presente na conferência de abertura, em 24 de abril para falar sobre “Ancestralidades indígenas e dilemas contemporâneos”. Após a palestra, o escritor vai recepcionar o público para autografar as obras expostas no evento, dentre elas, “Coisas de índio - versão infantil” (Ed. Callis, 2019), “Outras tantas histórias indígenas de origem das coisas e do universo” (Global, 2008) e “Como surgiu – Mitos indígenas brasileiros” (Calls, 2011).

A escritora e poetisa Eliane Potiguara, que participará do UFF Debate Brasil, em 29 de abril, também irá receber os leitores para sessão de autógrafos, após a roda de conversa. No estande da Eduff, será possível adquirir um dos livros mais tocantes da autora, “O pássaro encantado” (Jujuba, 2014), uma verdadeira homenagem aos avós, figuras mágicas e emblemáticas para os povos indígenas brasileiros.

A programação completa de “Brasil: a margem” pode ser conferida no site do Centro de Artes da UFF, em www.centrodeartes.uff.br.